LINHAS DE PESQUISA E AÇÃO

NÚCLEO DE ESTUDOS DA PAISAGEM
LINHAS DE PESQUISA E AÇÃO

 

Parte-se da problematização da paisagem como experiências partilhadas e da proposição poética da Espiral da Sensibilidade e do Conhecimento. As paisagens que nos ocupam são entendidas como um campo de tensões e contradições, mas também de possibilidades, evidenciando o drama e os anseios do trabalho e dos desejos humanos que essas paisagens abrigam em sua construção histórica, ecológica e cultural.

Coloca-se assim em questão a problematização da cultura contemporânea; a construção histórica de formas anteriores de representação do mundo e da vida e suas conexões com a construção do espaço, as implicações sociais contraditórias e as potencialidades de nossas paisagens que se abrem com estudos colaborativos e participantes.

Mantemos duas linhas de Pesquisa e Ação, que articulam os pesquisadores, atividades docentes, disciplinas, cursos livres e trabalhos colaborativos com comunidades e instituições:

1. História da Cultura e da Paisagem: Representações e Poéticas

Estes estudos estão expressos na linha de pesquisa docente História da Cultura e da Paisagem (Arte, Natureza e Cidade) e pesquisas a ela vinculadas, desenvolvendo estudos de história cultural da natureza, da paisagem, da cidade e dos saberes e processos criativos do projeto do espaço, com foco nos campos da representação e do imaginário, da construção e transformação de significados, valores e comportamentos.

Os estudos se dão através de ensaios sobre as representações em documentos diversos em sua construção histórica: narrativas, memórias, relatórios, artes plásticas, música, cinema, literatura, ciências e nas configurações do espaço natural e habitado em sua transformação, inserindo mutuamente cultura e espaço (paisagem).

São em sua maioria estudos de acadêmicos em fontes primárias e secundárias, mas podem incluir quando possível narrativas de vida e outras formas de contribuição da memória vivida ou das narrativas familiares e tradicionais.

2. Processos Colaborativos e Ações Educativas

Estudos de paisagens em suas dinâmicas naturais e urbanas e das especificidades culturais e arranjos ou apropriações espaciais referentes a determinadas comunidades ou grupos sociais, sobretudo em condições de exclusão. O que caracteriza o trabalho é a conexão essencial entre pesquisa e aprendizagem partilhada e colaborativa entre os pesquisadores e na construção de conhecimento com comunidades e escolas públicas, superando a separação entre Ensino, Pesquisa e Extensão no processo acadêmico de construção de conhecimento.

É inevitável a interface, eventualmente propositiva, com instâncias da gestão e das políticas públicas a partir da apreensão crítica das percepções, valorações, modos próprios de construir e significar paisagens das comunidades envolvidas e do conhecimento acadêmico sobre a natureza e a cidade. Nesse sentido, coloca-se o desafio de não cair nem na sua idealização pela supressão de suas contradições e disputas internas, nem (desafio ainda maior) negar a outros sujeitos que lhes são (ou também nos são) antagônicos, as próprias razões, sem com isso nos eximirmos de um necessário posicionamento ético e crítico.

Trata-se de um esforço interpretativo desvendado na experiência do real e no convívio, que ainda assim precisa ser qualificado, e que se direciona a uma capacidade de transformação fundada em princípios solidários e colaborativos.

Essas duas linhas de trabalho são desenvolvidas de modo relacionado e interdisciplinar, ambas definindo a filosofia, proposta e atividades do NEP. Contribuem para um debate ativo da cultura contemporânea entendida em seu sentido histórico, para o conhecimento dos meios sociais de produção das paisagens e suas formas de valoração, apropriação e gestão, correlacionando-as com as permanências, mudanças comportamentais, visões de mundo. Visa gerar ações colaborativas de construção de conhecimentos com escolas, coletivos, grupos de ação social, instituições públicas.

 

 

para citar este artigo:


SANDEVILLE JR., Euler. “Linhas de Pesquisa e Ação, Núcleo de Estudos da Paisagem (NEP)”. Núcleo de Estudos da Paisagem, on line, 2017. Disponível em https://nep.arq.br/2018/03/15/linhas-de-pesquisa-e-acao/ acesso em XX/XX/201X.

[para citar este artigo conforme normas acadêmicas, copie e cole a referência acima (atualize dia, mês, ano da visita ao sítio)]


núcleo de estudos da paisagem
a natureza e o tempo (o mundo)
uma proposta de euler sandeville

 

Licença de Uso 

Entre em contado conosco 

modelo de como citar outro material deste sítio 

 

 

 

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Autor: euler

Euler Sandeville Jr.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: